quarta-feira, 26 de setembro de 2007

No submundo das HQs

- Seu Canalha!
- Pare com isso meu. Não precisa tanto.
- Não precisa tanto!? Não precisa tanto!? Por que não pensou nisso antes?
- Não foi por mal, não foi por mal.
- Seu cagalhão da porra. Vai dizer que foi sem querer, vai?
- Por favor, não me bate. Não fiz por mal.
- Você é um puto, como pode fazer uma coisa dessas? É retardado, é?
- Foi com a melhor das intenções.
- Picareta, calhorda, vadio, salafrário, vigarista...
- Já disse que não foi por mal.
- Você pode falar o que quiser, isso não vai trazer ela de volta.
- Poxa vida foi com a melhor das intenções.
- Escuta aqui seu imbecil, você sabia que o inferno é feito de boas intenções. Lá tudo é sem querer, não foi por mal... O desculpinha mais esfarrapada.
- Não fala isso, que da azar.
- Azar foi ter conhecido um filho duma quenga igual a você!
- Me perdoa vai. Prometo não fazer de novo.
- Não fazer de novo! Você é mais idiota do que pensei.
- Larga essa parada ai meu, aponta isso para lá.
- Eu queria um machado para arrancar essa sua cabeça oca. Assim pouparia o mundo das suas cagadas.
- Cara, nunca vacilei contigo antes. Foi sem querer.
- Você é um tremendo vacilão.
- Por favor, me fale que faço qualquer coisa para reparar meu erro.
- Escuta aqui o seu mocorongo. Nunca, eu disse nunca, mais você vai achar outra revista nº 1 do Homem Aranha em mandarim. E você trocou por uma porcaria de nº 1 do bosta do Super-Homem.
- Mas cara...
- Mas cara é o car@$#*% cansei das suas balelas.

BLAM BLAM BLAM

Fim


Baseado em fatos reais.

*Falando em matar, que mate por um motivo justo.

3 comentários:

Aline disse...

aoieuoaiueoaiueoaiueoaieuoaieuaoe
realmentee! não consigo pensar em motivo mais justo ;)

mto bom!

Jeniffer disse...

OIE!
Virei leitora agora!
Tua cara mesmo, muito bom.
Bjuss

Hugo Moura disse...

Hahaha!

Matar por um gibizão eu não mataria. Talvez por uma garrafa de tequila :)

Abraço cara. E valeu pelo comentário no meu texto.


http://www.nossomundoimundo.blogspot.com/